Agende

    • Teste de Intolerância Alimentar – 54 alimentos (IgG)

      R$490,00

      A intolerância alimentar se deve à uma resposta do sistema digestório ao alimento, em que pode ocorrer a dificuldade na digestão do alimento, pela falta de enzimas necessárias ao processo. O sistema imunológico também tem seu papel, ao identificar estes alimentos como nocivos ao corpo humano, assim produzindo anticorpos (IgG). Estes fenômenos levam ao aparecimento de sintomas característicos, listados abaixo.

      Esta patologia não deve ser confundida com a alergia alimentar, em que a reação é rápida e pode ser grave, como em casos de anafilaxia. A intolerância pode ser medida pelo IgG (imunoglobulina G) e a reação pode ser tardia, além da possibilidade de demorar dias para desaparecer.

      Os sintomas mais comuns são: dor estomacal, diarreia, cólicas, refluxo gástrico, inchaço abdominal, evidência de fraqueza, tontura, dores articulares, dor de cabeça, insônia e erupções cutâneas, geralmente acompanhadas de coceira.

      O diagnóstico destas condições é muito importante para manter a qualidade de vida do indivíduo, já que os sintomas podem afetar o cotidiano e as atividades básicas diárias. O primeiro passo é estar atento para as manifestações do organismo e, se for necessário, procurar um serviço especializado.

      Com o diagnóstico em mãos, o paciente é capaz de adequar a dieta e eliminar os alimentos aos quais é intolerante. Dessa forma, desaparecem todos os sintomas incômodos e a flora intestinal é preservada de futuras agressões.

      Possuímos a opção mais rápida com 54 alimentos e outra mais completa com 222 alimentos. Lembrando que esse exame busca detectar a presença de anticorpos na corrente sanguínea.

      12x de R$40,83

    • Teste de Intolerância Alimentar – 108 alimentos (IgG)

      R$960,00

      A intolerância alimentar se deve à uma resposta do sistema digestório ao alimento, em que pode ocorrer a dificuldade na digestão do alimento, pela falta de enzimas necessárias ao processo. O sistema imunológico também tem seu papel, ao identificar estes alimentos como nocivos ao corpo humano, assim produzindo anticorpos (IgG). Estes fenômenos levam ao aparecimento de sintomas característicos, listados abaixo.

      Esta patologia não deve ser confundida com a alergia alimentar, em que a reação é rápida e pode ser grave, como em casos de anafilaxia. A intolerância pode ser medida pelo IgG (imunoglobulina G) e a reação pode ser tardia, além da possibilidade de demorar dias para desaparecer.

      Os sintomas mais comuns são: dor estomacal, diarreia, cólicas, refluxo gástrico, inchaço abdominal, evidência de fraqueza, tontura, dores articulares, dor de cabeça, insônia e erupções cutâneas, geralmente acompanhadas de coceira.

      O diagnóstico destas condições é muito importante para manter a qualidade de vida do indivíduo, já que os sintomas podem afetar o cotidiano e as atividades básicas diárias. O primeiro passo é estar atento para as manifestações do organismo e, se for necessário, procurar um serviço especializado.

      Com o diagnóstico em mãos, o paciente é capaz de adequar a dieta e eliminar os alimentos aos quais é intolerante. Dessa forma, desaparecem todos os sintomas incômodos e a flora intestinal é preservada de futuras agressões.

      Possuímos a opção com 108 alimentos e outra mais abrangente, com 222 alimentos. Lembrando que esse exame busca detectar a presença de anticorpos na corrente sanguínea.

      12x de R$80,00

    • Teste de Intolerância Alimentar – 222 alimentos (IgG)

      R$2.270,00

      A intolerância alimentar se deve à uma resposta do sistema digestório ao alimento, em que pode ocorrer a dificuldade na digestão do alimento, pela falta de enzimas necessárias ao processo. O sistema imunológico também tem seu papel, ao identificar estes alimentos como nocivos ao corpo humano, assim produzindo anticorpos (IgG). Estes fenômenos levam ao aparecimento de sintomas característicos, listados abaixo.

      Esta patologia não deve ser confundida com a alergia alimentar, em que a reação é rápida e pode ser grave, como em casos de anafilaxia. A intolerância pode ser medida pelo IgG (imunoglobulina G) e a reação pode ser tardia, além da possibilidade de demorar dias para desaparecer.

      Os sintomas mais comuns são: dor estomacal, diarreia, cólicas, refluxo gástrico, inchaço abdominal, evidência de fraqueza, tontura, dores articulares, dor de cabeça, insônia e erupções cutâneas, geralmente acompanhadas de coceira.

      O diagnóstico destas condições é muito importante para manter a qualidade de vida do indivíduo, já que os sintomas podem afetar o cotidiano e as atividades básicas diárias. O primeiro passo é estar atento para as manifestações do organismo e, se for necessário, procurar um serviço especializado.

      Com o diagnóstico em mãos, o paciente é capaz de adequar a dieta e eliminar os alimentos aos quais é intolerante. Dessa forma, desaparecem todos os sintomas incômodos e a flora intestinal é preservada de futuras agressões.

      Possuímos a opção mais abrangente com 222 alimentos e outra com 108 alimentos. Lembrando que esse exame busca detectar a presença de anticorpos na corrente sanguínea.

      12x de R$189,17

    • Teste Nutrigenético

      R$1.680,00

      O exame nutrigenético foi feito para o paciente compreender o seu metabolismo e aprimorar sua resposta, conforme as necessidades individuais. Ou seja, esta análise é capaz de identificar fatores genéticos que influenciam o surgimento de novas doenças e também como o corpo responde à rotina alimentar.

      Conhecendo seu corpo a fundo, o paciente é capaz de estabelecer uma nova dieta alimentar direcionada aos moldes de seu organismo, reduzir o risco de doenças, como a diabetes, e regular o metabolismo de lipídios.

      O exame é capaz de detectar a predisposição às intolerâncias alimentares, como à glúten e à lactose; e como é feita a absorção de certos alimentos, como bebidas alcoólicas, café e sal.

      Além disso, é possível analisar a necessidade de nutrientes e vitaminas, sensibilidade ao consumo de carboidratos e gorduras. Para aqueles em busca de perda de peso, este exame proporciona a dieta ideal e o conhecimento sobre o ritmo do organismo, permitindo um emagrecimento saudável. São avaliados, ao todo, 107 variantes de 67 genes no exame.

      12x de R$140,00

    • Teste de Microbioma Intestinal – Genético

      R$1.740,00

      O microbioma intestinal é o conjunto de microrganismos que habitam o trato gastrointestinal, que possui papel fundamental na proteção contra agentes patológicos e na digestão alimentar.

      O desequilíbrio do microbioma intestinal está associado a algumas condições, tais como asma, alergias, doença inflamatória intestinal e artrite reumatoide. Além disso, outras doenças apresentam relação documentada com a composição do microbioma, como a diabetes, obesidade e infecção urinária de repetição.

      A depender do equilíbrio entre os microrganismos presentes no intestino, a resposta imunológica a doenças pode ser forte ou fraca. Afinal, o trato gastrointestinal é um dos grandes obstáculos frente a agentes tóxicos. Com a análise do microbioma, através do sequenciamento genético das bactérias, é possível identificar as necessidades do seu organismo.

      Existem dietas e tratamentos com suplementação capazes de restabelecer o microbioma, levando ao seu potencial máximo de ação protetora e de metabolismo energético. Porém, para isso, é necessário conhecê-lo detalhadamente. A análise genética se dá através de uma amostra fecal, que é coletada no conforto de sua casa.

      12x de R$145,00

    • Teste de Supercrescimento Bacteriano – SIBO

      R$660,00

      O supercrescimento bacteriano é uma condição em que ocorre o movimento inadequado do conteúdo intestinal, levando ao crescimento excessivo de certas bactérias que pertencem ao intestino. Este fenômeno leva a alguns sintomas, como diarreia, má absorção de nutrientes e sais minerais, dor abdominal, flatulência e inchaço.

      A movimentação adequada no trânsito intestinal é necessária para manter a saúde do microbioma e essa alteração está presente em algumas doenças, como na diabetes melito e na amiloidose.

      O excesso de bactérias impede a absorção de nutrientes, carboidratos e vitaminas; além de impedir o metabolismo correto de gorduras, gerando estado de desnutrição e diarreia.

      O diagnóstico da patologia é feito através do teste respiratório, em que há avaliação da quantidade de hidrogênio no ar expirado pelo paciente, após a ingestão de lactulose. O que ocorre é a fermentação precoce da lactulose em um intestino com supercrescimento bacteriano, levando ao aumento de hidrogênio exalado.

      12x de R$55,00

    • Teste de Incompatibilidade Genética ao Glúten

      R$720,00

      A doença celíaca é causada por uma intolerância permanente ao glúten, proteína encontrada no trigo, cevada, centeio e em produtos produzidos a partir desses grãos. É uma doença autoimune em […]

      12x de R$60,00

    • Teste de Intolerância à Lactose – Genético

      R$720,00

      A intolerância à lactose é uma patologia digestiva que ocorre devido à baixa ou nenhuma produção da enzima lactase, responsável por metabolizar a lactose. Dessa forma, a lactose chega em sua forma original para o intestino, onde é fermentada e ocorrem os seguintes sintomas: flatulência, náuseas, dor abdominal, retenção líquida e diarreias.

      Existem 3 tipos de intolerância à lactose, sendo elas: a deficiência congênita, em que a criança nasce sem a capacidade de produzir lactase; a primária, em que a produção de lactase cai progressivamente durante a vida; e a secundária, em que doenças intestinais afetam a ação da lactase, como na doença de Crohn.

      Este teste genético analisa a alteração do gene MCM6, que é o responsável pela tolerância à lactose na vida adulta. É feito através de coleta de sangue ou com swab oral, com o esfregaço da mucosa. É considerado uma ótima opção, pois possui muita sensibilidade e especificidade na detecção da intolerância à lactose.

      12x de R$60,00

    • Teste de Inflamograma Sistêmico

      R$2.400,00

      A inflamação crônica subclínica, em maior ou menor intensidade está presente no desenvolvimento de doenças crônicas. Nesse contexto, foi desenvolvida uma forma de identificação precoce da inflamação crônica subclínica, através […]

      12x de R$200,00

    • Teste de Intolerância à Sacarose – Respiratório

      R$660,00

      A sacarose é o açúcar de uso comum e a sua intolerância se dá na capacidade reduzida de digestão pelo trato gastrointestinal. O que ocorre é a ausência ou redução das enzimas digestivas, a sacarase e a isomaltase, levando a sintomas incômodos para a rotina do paciente.

      Os sintomas variam de flatulência, desconforto abdominal, náuseas, cólicas, constipação, dor de cabeça, inchaço abdominal até diarreia. Há importante prejuízo da qualidade de vida do indivíduo, portanto, o diagnóstico precoce deve ser feito. A longo prazo, a patologia leva à desnutrição e fadiga generalizada, pois os nutrientes, vitaminas e sais minerais não são absorvidos adequadamente.

      O teste respiratório com hidrogênio é feito em 3 etapas, avaliando a intolerância à sacarose:

      1. Paciente assopra e é medida a quantidade de hidrogênio.
      2. Paciente ingere sacarose.
      3. Paciente assopra novamente e é medida a quantidade de hidrogênio.

      O hidrogênio estará aumentado no caso da intolerância à sacarose, devido à fermentação provocada no intestino.

      12x de R$55,00

    • Teste de Intolerância à Xilose – Respiratório

      R$660,00

      A D-Xilose (xilose) é um tipo de açúcar que depende da parede intestinal para ser absorvido e digerido. Portanto, em algumas patologias, seu metabolismo é prejudicado. Apresenta papel fundamental na detecção de patologias, como a doença celíaca, síndromes de má-absorção, insuficiência pancreática e espru tropical.

      Esta prova de D-Xilose é capaz de observar a indução de sintomas, como diarreia, flatulência, eructação, cólicas e desconforto abdominal. Quando a doença permanece sem diagnóstico e tratamento, a absorção de nutrientes, vitaminais e sais minerais é deficiente.

      O teste respiratório com hidrogênio é feito em 3 etapas:

      1. Paciente assopra e é medida a quantidade de hidrogênio .
      2. Paciente ingere D-Xilose.
      3. Paciente assopra novamente e é medida a quantidade de hidrogênio.

      O hidrogênio estará aumentado no caso da intolerância à xilose, devido à fermentação provocada no intestino.

      12x de R$55,00

    • Teste de Intolerância à Frutose – Respiratório

      R$660,00

      A intolerância à frutose se dá através da dificuldade de absorver alimentos ricos neste açúcar, como frutas, vegetais e cereais. Os sintomas mais comuns são vômitos, náuseas, diarreia, inchaço abdominal e sudorese.

      Esta condição pode ser de caráter hereditário, se manifestando na infância; ou se desenvolve ao longo da vida; ou é adquirida devido à uma segunda patologia, como no caso da Síndrome do Intestino Irritável.

      O teste respiratório com hidrogênio é feito em 3 etapas:

      1. Paciente assopra e é medida a quantidade de hidrogênio.
      2. Paciente ingere frutose.
      3. Paciente assopra novamente e é medida a quantidade de hidrogênio.

      O hidrogênio estará aumentado no caso da intolerância à frutose, devido à fermentação provocada pela frutose no intestino.

      Este exame tem alto valor diagnóstico e é capaz de melhorar a qualidade de vida dos pacientes.

      12x de R$55,00

    Start typing and press Enter to search

    Carrinho

    Nenhum produto no carrinho.

    Precisa de ajuda?